22 de octubre de 2012

Nasce um poema


Nasce um poema...

E eles querem saber quanto pesa,

Quanto mede,

Qual o sexo do poema?

 

Nasce um poema...

Gerado num instante fecundo

Um prematuro poema,

Inseguro estar neste mundo.

 

Nasce o poema

De parto normal como toda criatura

E todos querem saber:

O que será do poema?

O que será quando crescer?

 

Ivana Oliveira, segunda-feira, 22 de outubro de 2012 às 12:02.

1 comentario:

  1. Belo poema, menina Ivanita! Poesia é isto: mistério. Aliás, nenhuma palavra hoje me parece masi propícia para definir a vida, em geral, do que mistério. O que o poema será quando crescer? Dependerá dos olhos e da sensibilidade de quem a lê. Besos.

    ResponderEliminar